PROVA / ATIVIDADE DE INTERPRETAÇÃO DE TEXTO - MITO (7° e 8°)


LEIA O TEXTO ABAIXO E RESPONDA AS PRÓXIMAS QUESTÕES:

O HOMEM DE FOGO

Aluno Gabriel Furtado da Cruz
Professor F. Maurício Araújo

            Apolo é um rei dos humanos. Rei sábio que sempre procurou governar seu país com os ensinamentos de Atena. Ele tem um irmão que conseguiu o poder da invisibilidade com a semideusa Minerva, prometendo-a que usaria seu poder com o intuito de fazer somente o bem, investigando os maiores segredos dos reis e rainhas da terra, evitando assim que pessoas fossem mortas nas guerras, mas não cumpriu com sua palavra, usava seu poder para a prática do mal.
Apolo não se conformava em ver seu irmão com um poder concedido pelos deuses, e ele, sendo rei, não possuía nenhuma habilidade. Foi quando decidiu ir ao encontro de Minerva, para implorar o poder do fogo. Não demorou muito em encontrá-la próximo ao labirinto de Minotauro e logo foi falando:
            __Eu quero ter o poder de fogo! Quero ficar em chamas para que o meu domínio seja ampliado.
            __Eu posso até lhe dar o poder, mas quero algo em troca. Respondeu a Minerva.
            __O quê?
            __ A cabeça de seu irmão.
            __ Mas por que você quer matá-lo? Indagou o rei Apolo.
            __ Porque dei a ele o poder da invisibilidade, para ele fazer o bem, mas usa seu poder somente para realizar o mal e está causando o desequilíbrio na terra. Procuro matá-lo há muito tempo. Dar-te-ei o poder, mas antes o traga aqui morto.  
            __ Mas quem mata um membro da família real vai para a forca e não posso fazer isso com o meu próprio irmão! Argumentou Apolo.
            __ Eu tenho um veneno, basta colocar uma gota em sua bebida e logo ele morrerá, você sabe que ele precisa morrer, pois suas atitudes são perversas.
            Então ele foi para o castelo muito triste e pensativo. Seu irmão sabia de tudo, pois havia permanecido ali invisivelmente, ouvindo toda conversa. Apolo não sabia disso e ao sentar no trono, logo apareceu seu irmão que logo foi perguntando:
__ O que você tem em mãos Apolo?
            __ Nada, apenas um vidro contendo um remédio preparado por Asclépio. Estou muito cansado e preciso de sossego.
            Os servos logo apareceram e convidaram o rei para o jantar. Apolo convidou seu irmão, mas como já sabia de tudo, foi logo falando:
            __Calma, o poder não é tudo na vida, você precisa também de sabedoria. Eu vou me fingir de morto para você conseguir o que queres.
            Apolo ficou assustado, jamais imaginaria que seu irmão soubesse do plano que permanecia em segredo, mas aceitou prontamente.
            No outro dia, a vila toda estava sabendo que o irmão do rei havia morrido, o plano tinha sido colocado em prática, faltava só levar o irmão perante Minerva, como morto, sobre uma carruagem. Apolo foi.
__Você conseguiu o que tanto queria, meu irmão agora está morto, conceda-me o meu desejo! Pediu Apolo.
Minerva aproximou-se do irmão de Apolo (que se fingia de morto) e ela acreditou que ele realmente havia morrido.
            __Calma, coloque a mão para cima que eu vou te conceder o poder. Disse Minerva.
            Quando ela jogou o poder, ordenou que ele estralasse os dedos e dele saiu uma faísca de fogo. O irmão de Apolo se levantou de uma vez e jogou uma lança com o sangue da veia direita de Medusa, bem no peito da Minerva e ela morreu instantaneamente.    
            Satisfeitos, os irmãos retornam para o castelo. Apolo tem o poder de chamas de fogo e seu irmão ainda com o poder da invisibilidade formam uma dupla poderosa para combater os inimigos do reino e ajudar as pessoas de seu país.

Da Cruz, Gabriel Furtado. 7º ano. Abril de 2018. Escola João Moreira Barroso.
São Gonçalo do Amarante. Texto adaptado pelo Professor Francisco Maurício Araújo

1ª) O gênero do texto é
a) crônica, pois aborda fatos do cotidiano.
b) memória, pois traz uma experiência de vida.
c) conto, pois é um texto ficcional com personagens reais.
d) mito, pois além de um enredo ficcional, apresenta personagens sobrenaturais.

2ª) A finalidade do texto é
a) entreter o leitor com um enredo místico e personagens fantasiosos.
b) criticar a sociedade de forma geral.
c) apresentar um ensinamento através de uma moral.
d) noticiar um fato ocorrido no passado.

3ª) Segundo o texto,
a) Minerva era uma semideusa muito má.
b) o sangue de Medusa foi responsável pela morte de Minerva.
c) o irmão de Apolo cumpriu a promessa que fez a Minerva.
d) Apolo matou Minerva para conseguir seu desejo.

4ª)  Toda a história  gira em torno de
a) um desejo.
b) uma vingança.
c) uma emoção.
d) uma promessa.

5ª) Há uma opinião em
a) “... apenas um vidro contendo um remédio preparado por Asclépio.”.
b) “... pois suas atitudes são perversas.”.
c) “Você conseguiu o que tanto queria...”
d) “Procuro matá-lo há muito tempo.”

6ª) No trecho: “Mas por que você quer matá-lo?”, o termo destacado “lo” se refere
a) a Apolo.
b) a Minerva.
c) ao irmão de Apolo.
d) ao veneno.

7ª) O texto
a) faz uso do discurso direto nas falas das personagens.
b) foi escrito em versos, usando o discurso direto nas falas das personagens.
c) utiliza os discursos indiretos nas falas das personagens.
d) não utiliza nem o discurso direto e nem o discurso indireto.

8ª) Apolo não se conformava em não possuir nenhuma habilidade, porque
a) ele era mais forte e poderoso que seu irmão.
b) ele era amigo dos deuses e semideuses.
c) ele era um rei.
d) Minerva era sua conselheira.

9ª) O que motivou Minerva desejar a morte do irmão de Apolo?
a) Porque ele causou o grande desequilíbrio no universo.
b) Porque ele não cumpriu com o que prometeu a Apolo.
c) Porque ele investigava as ações dos reis inimigos, mas não revelava a Apolo.
d) Porque ele não cumpriu com a promessa feita ao receber o poder.

10ª) No fragmento: “Seu irmão sabia de tudo, pois havia permanecido ali invisivelmente...”, as palavras grifadas estabelecem, respectivamente, ideia de
a) lugar e modo.
b) intensidade e modo.
c) modo e lugar.
d) lugar e intensidade.

11ª) A palavra “e” no trecho “... e ela acreditou que ele realmente havia morrido...” introduz
a) uma explicação.
b) uma adição.
c) uma consequência.
d) uma causa.

12ª) O conflito da história começa quando
a) Minerva deseja a morte do irmão de Apolo.
b) Apolo vai ao encontro de Minerva em busca do poder.
c) o irmão de Apolo mata Minerva.
d) Apolo recebe o poder do fogo através de Minerva.


13ª) No trecho: “... para que o meu domínio seja ampliado.”, a palavra em destaque poderia ser substituída, sem alterar seu sentido na frase, por
a) minimizado.
b) forte.
c) único.
d) expandido.

14ª) No final, percebe-se que
a) As personagens principais enfrentaram os castigos dos deuses.
b) O reino ficou sob a proteção dos irmãos.
c) Apolo prometeu combater os inimigos do irmão.
d) A satisfação do reino foi grande com a chegada dos irmãos.


GABARITO
1D / 2A / 3B / 4A / 5B / 6C / 7A / 8C / 9D / 10A / 11B / 12A / 13D / 14B

Inscreva-se ao lado e acompanhe as publicações do Blog Tudo Sala de Aula
Atividade elaborada pelo professor Maurício Araújo

26 Comentários

Tudo Sala de Aula agradece sua interação conosco!

  1. SEJA BEM-VINDO, VAI HÍFEN!! ABRAÇO.

    ResponderExcluir
  2. Muito obrigado vc me
    ajudou muito sério sem
    Palavras

    ResponderExcluir
  3. MT BOMMMMMMMMMMMM, PARABENSSSSS MENNNN, MT ARIGATOOOO OVO TIRAR 10 NAS MINHA PROVINHAS
    OZO BAIANO MEMO VU

    ResponderExcluir
  4. Poderia ter respostas

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Tudo Sala de Aula agradece sua interação conosco!